O Festival In-Edit Brasil começa hoje!


Texto por Juliana Trevisan



Hoje (9 de setembro) começa o Festival Internacional do Documentário Musical In-Edit Brasil. A programação é majoritariamente gratuita, com alguns documentários que você assiste por apenas R$ 3,00 e ainda contribui com trabalhadores, músicos e diretores que foram afetados pela pandemia.



O evento que fomenta a divulgação e debates de documentários com foco na música surgiu em Barcelona em 2003 e acontece no Brasil desde 2009. A 12ª edição será realizada de forma online e acessível e conta com documentários nacionais que trazem Dorival Caymmi, Pitty, Arto Lindsay, Mestre Cupijó, Felipe Cordeiro, Walter Smetak, Autoramas,  Amaro Freitas, Elton Medeiros, o compositor e violonista Garoto, e outros, além de diversas conversas com diretores brasileiros e estrangeiros, lives e shows com transmissão ao vivo.


A partir do dia 15/09 às 18h será disponibilizada a master class do diretor britânico Julien Temple, com mais de 40 anos de carreira, falando sobre seu modo de ver e interpretar a música ao documentá-la, com mediação de André Barcinski.


Os shows serão transmitidos no canal do YouTube da In-Edit Brasil. Sexta-feira, (11/09) às 20h vai rolar o show da Flicts, protagonista do longa Liberta- Flicts. No dia 17/09 (quinta-feira), é a vez dos Autoramas se apresentarem, banda que protagoniza o curta Nada Pode Parar Os Autoramas. E para finalizar, no sábado (19/09) haverá show do Felipe Cordeiro, que participa do filme Ventos Que Sopram - Pará.



Os debates ao vivo também poderão ser assistidos de forma online. Na quarta-feira (16/09) às 20h músicos e cineastas discutirão a presença das culturas africanas na construção da identidade brasileira e em seus trabalhos como artistas e pesquisadores na mesa Histórias Afro-Atlânticas, que pode ser assistido no canal do YouTube do Cine Sesc. Na quinta-feira (17/09) às 20h, o rapper Rappin Hood e os diretores do filme Hip Hop E Mercado: O Rap irão falar um pouco sobre o hip hop como instrumento de transformação e o debate por ser assistido no canal do Youtube da In-Edit Brasil e também no Facebook. As conversas com as diretoras e diretores serão transmitidas no próprio site do festival.



Para assistir os filmes do festival, basta fazer seu cadastro gratuitamente na In-Edit TV, clicar na aba "Programa 2020", onde você confere a lista completa dos longas e curtas disponíveis, e selecionar o documentário que você deseja assistir.


Algumas recomendações nacionais são: Faça Você Mesma, de Letícia Marques; Nada Pode Para Os Autoramas, de Bruno Vouzella e Manoel Magalhães; Cantos de Origem, do Matuta Coletivo; Eu Vejo Névoas Coloridas, de Pedro Jorge; UN, de Sergio Mekler; Hip Hop e Mercado: o Rap, de Leo Pappel e Rodrigo Furlani; Memórias Afro-Atlânticas, de Gabriela Barreto; Dorivando Saravá, O Preto Que Virou Mar, de Henrique Dantas; Liberta - Flicts, de Ivan 13P.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

•blog•

Selo Musical | blog | produtora

São João del-Rei - Minas Gerais